quinta-feira, 28 de julho de 2011

Nós não mudamos por conhecer a Cristo ou somos rebeldes no Evangelho?


Hoje, estamos nas ruas em grandes quantidades, somos milhares porque não dizer bilhões, mas o interessante é que mudamos a aparência, usamos tatuagens, curtimos rock, surfamos, ralamos um trampo no skate, nos vestimos diferentes, ou iguais a tantos que outros pensam que não somos servos de Deus. Mas o que tem mudado  nessa geração que curte tudo isso? Será que a palavra de Deus é verdadeira em seus corações? Cristo nos libertou ou somos rebeldes dentro do evangelho? Essas questões tentarei dar as respostas, não as corretas mas as que vão dar uma reflexão para a sua vida por meio delas.

É fato que muitos cristãos não mudaram a sua cultura por estarem nas igrejas, porém tomar este tipo de conduta dependendo da congregação pode ser sujeito a uma punição doutrinária. Tenho visto também que esse mesmo povo de cabelo moicano e com maquiagem gótica, tem lido mais a Bíblia, meditado, interpretado, refletido e baseando sua ações na palavra. Esse povo ou tribo tem adorado a Deus em sinceridade, em 2 Coríntios 2:17 dia "Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus". É nessa palavra que venho dizer que  sua sinceridade e comunhão com Deus é que transforma pensamentos que desaprovam o seu jeito, afinal aparentar e não ser, é pior do que ser e não aparentar, pois as pessoas reprovam a aparência e esquecem do coração contrito ao nosso Deus e Senhor.

Mudamos porquê interpretamos a Bíblia de maneira inteligente e percebemos que costumes de homens respeitamos mas não concordamos, pois Cristo nos dá discernimento e somos libertos com uma ressalva, em 1 Coríntios 14:40 nos adverte, "Mas faça-se tudo decentemente e com ordem.".  Quando se estuda a se interpreta e Bíblia, quando se ora, quando se consagra, quando se louva a Deus com toda a sinceridade de seu coração, alcançamos um status de segurança que em Romanos 8:1 diz  "Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito.". 

Entendo o Evangelho como a libertação de uma situação certa (a condenação eterna por conta dos nossos pecados) para uma nova expectativa de vida maravilhosa (vida eterna num lugar preparado por Deus), além do que Evangelho ele se adapta a qualquer cultura mas não muda a sua essência, onde Cristo é o Senhor e Salvador de nossas vidas, pois em qualquer lugar do mundo, em qualquer idioma ou dialeto, Deus sempre será  "o Alfa e o Omega, o princípio e o fim, o primeiro e o derradeiro." segundo Apocalipse 22:13.

Entendo também que muitos que ali estão, serão, e só conhecem a Deus daquela maneira, e só se corrigem diante de uma dura doutrina, porém ao adquirirmos maturidade, fica fácil interpretar a Bíblia o guia prático de vida na terra. 

Mas que a partir de agora, sejamos sensatos em não criticar sem antes entender, ou pelo menos tentar conhecer o Cristão pela sua maneira que aparenta, somos sim adoradores, de corpo, alma e coração, prestando o nosso culto racional ao nosso Deus Soberano.

Deixo todos com a Paz de Cristo.

Rogério Fernandes.

5 comentários:

  1. HEY!
    ACHEI LEGAL O QUE ESTAIS FAZENDO ATRAVES DE SEU BLOG!

    EM MEU BLOG FALO SOBRE CULTURA NERD E BANDAS EM GERAL, MAIS SEMPRE PROCURO DAR DESTAQUE AO CRISTIANISMO EMQUADRANDO-O NO MEIO DA INFORMAÇAO, POIS VEJO HOJE UMA CERTA EXCLUZAO EM RALAÇAO AS BANDA CRISTÃS.

    MEUBLOG
    HQ137.BLOGSPOT.COM

    ResponderExcluir
  2. Vamos trocar idéias mano. Vi o sue blog achei muito show!!

    ResponderExcluir
  3. tens orkt, e-mail, algo parecido, quero um baner do link so deu brog pra por lá.

    ResponderExcluir
  4. Eu realmente acho que esta nossa geração entendeu muito mais o que é ser cristão e que isso não está ligado a um esteriótipo.

    ResponderExcluir
  5. A liberdade de Cristo está justamente no conhecimento da palavra, a palavra é que liberta e nos faz experimentar as coisas boas do Senhor Jesus!

    ResponderExcluir